quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Violência contra a mulher: o outro lado da moeda


Foto: Diário da Manhã
     No início da tarde deste domingo (13), uma mulher foi assassinada a facadas em pleno centro de Pelotas, na rua Mal. Floriano, quase esquina com a Mal. Deodoro.
Testemunhas dizem ter presenciado a discussão entre a vítima e um homem. Após ter desferido os golpes, o indivíduo fugiu. Um suspeito foi detido pela Guarda Municipal e após as investigações a confirmação de que trata-se do ex-companheiro da vítima, inconformado com a separação. Ela, inclusive, já havia registrado ocorrência contra ele na cidade de Santa Maria.
       O fato além de chocar pela tamanha violência (foram 20 facadas), ainda levantou muitas discussões a respeito da motivação do crime: as autoridades policiais intitulam como “crime passional”, mas  os movimentos feministas classificam como feminicídio.
      O conceito popular para crime passional é um crime cometido por paixão. O fato do crime ter sido cometido por motivo no qual figura o sentimento onde uma pessoa se sente dona de outra e quer que seu amor seja reconhecido como único, e se isso não acontece, a pessoa resolve cometer atos contra a vida da outra.
       Feminicídio é algo que vai além da misoginia (ódio contra a mulher), criando um clima de terror que gera a perseguição e morte da mulher a partir de agressões físicas e psicológicas dos mais variados tipos, como abuso físico e verbal, estupro, tortura, escravidão sexual, espancamentos, assédio sexual, mutilação genital e cirurgias ...
      Em 2012, ocorreram 4.719 mortes de mulheres por meios violentos no Brasil, ou seja, 4,7 assassinatos para cada 100 mil mulheres. Entre 1996 e 2012 houve um crescimento de 28%. Na última década com números disponíveis (2002-2012), o crescimento foi de 22.5% no número absoluto de homicídios, vez que em 2002 constatou-se 3.860 mortes e, em 2012, 4.719. A questão é porquê a sociedade não consegue avançar em direção a uma correção dessa psicopatia apesar das inúmeras campanhas publicitárias, do endurecimento das leis, das ONGs, das manifestações públicas, de todo o apoio à NÃO VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER?
     Talvez, o problema esteja sendo analisado pelo lado errado. Ao invés de estabelecer a questão a partir da fragilidade feminina, o assunto devesse ser tratado do ponto de vista da fragilidade masculina. O homem que usa a força para atacar violentamente uma mulher, demonstra nítida incapacidade de lidar com situações como a derrota, separação, traição ou disputa de poder. Então, talvez, quando uma mulher finalmente vai a uma delegacia de polícia registrar uma ocorrência contra um homem que a trata com violência, a reação das autoridades deveria ser encaminhar o indivíduo a tratamento, acompanhamento psicológico e protegê-lo dele mesmo.  A sociedade precisar ficar alerta: quem precisa de proteção são os homens, afinal eles são mais fortes apenas fisicamente!

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Presença confirmada na XII Feira do Livro


A Coordenadora de Ações Inclusivas do IFSUL e Membro da Comissão de Monitoramento de Ações Afirmativas da região sul Olga Pereira se fará presente na XII Feira do Livro lançando seus dois livros “REINTERPRENTANDO SILÊNCIOS” e  “Cicatrizes da escravidão: da história ao silenciamento” ; Olga também se fará presente no debate “O Negro e a Literatura” ambos no dia 20/12 pós 17 hs.
REINTERPRENTANDO SILÊNCIOS Reflexões sobre a docência negra na cidade de Pelotas-RS O livro visa desvelar, com base nas vozes presentes no discurso dos docentes negros em instituições de Ensino da cidade de Pelotas-RS, as estratégias a que recorre o discurso do silenciamento que persiste em defender a idéia de uma igualdade de condições independente da cor da pele. As análises dessas percepções foram interpretadas a partir dos relatos de experiências vivenciadas por dezesseis professores negros/as no âmbito institucional e social de Pelotas, demonstrando o continuísmo de atitudes vergonhosas e humilhantes que continuam a povoar o imaginário coletivo tão resistente diante da ainda tão utópica e frágil democracia racial
Cicatrizes da escravidão: da história ao silenciamento Refletir sobre as cicatrizes da escravidão de negros no Brasil exige um constante deslocar-se da história recebida que, contaminada por visões tão estreitas do outro, construiu o cenário frágil da democracia racial. Identificar os labirintos onde o racismo fez morada é desafiá-los a novas aprendências e vivências singulares. O livro traz essa particularidade: invadir silêncios e, ao fazê-lo, perceber que somos todos iguais apenas com roupagens diferenciadas....que somos versos de um mesmo poema que, dependente da palavra do outro, clama por fortalecer o que em nós insiste ficar adormecido: a sensibilidade!




HERVAL - Chima Rock acontece neste domingo

     O grande encontro de bandas de rock de Herval e de outros municípios terá como palco o Parque Aquático Municipal, neste domingo, dia 20 de dezembro, quando será feita a abertura da Temporada de Verão 2016.
     De acordo com o assessor para Políticas de Cidadania, Cultural e Artística e um dos organizadores da festa, Chico dos Santos, todas as bandas elencadas na programação já confirmaram presença. Sendo elas: Rock Ctrl – A, Difícil Acesso, Isopor, Bourbon Shot, 4plus, Eletreto e Control Rock. 
     Além das atrações das bandas de rock haverá apresentação dos grupos de dança Art – Dance & Stile – Dance e desfile de modas da loja Loren & Belly, escolha da Musa do Verão, Garota da Piscina, Garoto da Piscina e Brotinho (feminino e masculino).
       A organização do evento está a cargo da Secretaria de Cultura, Turismo, Desporto e Lazer, juntamente com a Casa das Oficinas Ctrl – A, que convidam a todos para pegar seu chimarrão e participar, pois a erva e a água quente será distribuída gratuitamente.

Nívea Bilhalva de Oliveira

BRILHA ARROIO GRANDE!

O concurso que foi sucesso em 2014 está com suas inscrições abertas para este ano: o Brilha Arroio Grande! Concurso esse que premia as casas mais bem decoradas do Natal.

A ficha de inscrição e maiores informações estão disponíveis na Fanpage do evento no Facebook: facebook.com/brilhaag, na Secretaria Municipal de Planejamento e na Secretaria Municipal de Turismo.
As inscrições vão de 14 à 18 de dezembro de 2015.

Prêmios
1° lugar: TV
2° lugar: Kit Acampamento
3° lugar: Cesta de Boas-Festas

Todos os concorrentes ganharão certificado de participação!

























Entidades sugerem exclusão de PPCI em propriedades rurais

     Os setores de produção animal, liderados pelo Fundesa, entregaram nesta terça-feira (15) um documento ao Comando do Corpo de Bombeiros sugerindo a exclusão das instalações de propriedades rurais da legislação eque exige PPCI – Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio.
     A solicitação refere-se a instalações como pocilgas, aviários, estábulos e bretes. A decisão foi tomada em reunião com os conselheiros do Fundo nesta segunda-feira. “Não existe histórico de sinistros em propriedades rurais no Rio Grande do Sul e o risco, pelo baixo fluxo de pessoas nas instalações, é desprezível”, garante o presidente do Fundesa, Rogério Kerber.
     O documento, encaminhado ao chefe da Divisão Técnica de Prevenção de Incêndios, do Corpo de Bombeiros, major Everton Dias, deverá ser avaliado na reunião do Conselho de Prevenção que ocorre na quinta-feira. “Chegamos à conclusão de que são exigências complexas e desnecessárias, que implicariam em alto custo para o produtor, em um momento em que, devido à conjuntura brasileira, os investimentos estão inviáveis”, alerta Kerber.
     Atualmente, as instalações de propriedades rurais estão, por similaridade, enquadradas no mesmo regramento das indústrias que exige, entre outras ações, a instalação de hidrantes e a formação de brigadas de incêndio. 



segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

CDL Pelotas divulga programação musical do Pelotas Doce Natal

A CDL Pelotas promove até o dia 23 de dezembro o projeto Pelotas Doce Natal. Atrações musicais, juntamente com o show de luzes, águas dançantes e a casa-árvore do Papai Noel compõe a programação que ocorre na Praça Coronel Pedro Osório e o Largo do Mercado Público.
O Pelotas Doce Natal é realizado pela CDL Pelotas e financiado através do Pró-Cultura – LIC RS, da Secretaria da Cultura do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. O projeto conta com o patrocínio dos Biscoitos Zezé, Arrozeira Pelotas e FRUKI. A Prefeitura Municipal de Pelotas também é parceira da realização do evento. Confira a programação musical completa abaixo:

Segunda-feira (14)
19h30min – Show Sonia Porto - Mercado Central
21h – Show Lyber Bermudez - Mercado Central

Terça-feira (15)
19h – Concerto Coral Escola Louis Braille - Mercado Central
 20h – Concerto Coral Elaci Schneider - Mercado Central
 21h – Show Chega de Saudade - Mercado Central
 Quarta-feira (16)
19h30min – Show Ronaldo Pedra - Mercado Central
 21h – Show Banda Mídia - Mercado Central
 Quinta-feira (17)
19h30min – Show Grupo Regional Ninho do Pardal - Mercado Central
 21h – Show Nathália Röpke e Banda - Mercado Central
 Sexta-feira (18)
19h – Show Wanessa Boabaid - Mercado Central
 20h30min – Show César Lascano - Mercado Central
 21h30min – Show Daniela Brisolara e Banda - Mercado Central
 Sábado (19)
14h às 21h - Show Coletivo Inrua - Praça Coronel Pedro Osório
 21h – Show Solon Silva - Mercado Central
 Domingo (20)
18h30min – Show Grupo Kazu - Mercado Central
 19h30min – Show Carise Santos e Banda - Mercado Central
 21h – Banda Musical da Brigada Militar – CRPO Sul
 Segunda-feira (21)
19h30min – Show Conjunto Vocal Só pra Variar - Mercado Central
 21h – Show Priscila Olave e Banda - Mercado Central
 Terça-feira (22)
19h30min – Show Sambold - Mercado Central
 21h00 – Show Rafael Bennett - Mercado Central

Quarta-feira (23)
19h30min – Show Juliano Guerra - Mercado Central
 21h – Show Paulinho Martins - Mercado Central

Vereador Leleko eleito presidente da Câmara

Na manhã desta segunda-feira foi realizada a eleição para mesa diretora da Câmara de Arroio Grande para o ano de 2016. O vereador Luciano Peres Vieira(PDT) despediu-se do cargo e encaminhou a votação. A composição da mesa tem ainda o vereador Idimar Furtado da Silva(PDT) como vice-presidente e os vereadores Oscar Schuster(PDT) e Itamar Silva (PDT) como 1º e 2º secretários respectivamente.
Alexandre Leleko (PDT) recebeu 5 votos e enfatizou que irá cumprir seu mandato de presidente de acordo com o que a Constituição Federal.
Também foram divulgados os vereadores Casca Silva como líder da bancada do PP e Luciano Peres como líder da bancada do PDT.

Música na rua

Uma noite de clima agradável encheu a rua Dr. Monteiro de jovens e famílias que foram prestigiar o evento "Música na Rua" promovido pela secretaria municipal de Turismo.
Os músicos Cleiton Valadares e Cassiano e Banda fizeram belas apresentações e embalaram o público com sucessos do momento. A festa contou com o apoio dos estabelecimentos Orelha Bar, Boteco Chique e Jaguar.

Soccer Girls vice campeã

    A equipe feminina Soccer Girls sagrou-se vice-campeã de futsal no campeonato citadino de Jaguarão que terminou neste domingo (13), num emocionante jogo de final contra a equipe M4.
    No primeiro confronto entre as duas equipes, Soccer goleou por 9 x 5 o time jaguarense, que durante o campeonato estudou as adversárias e conseguiu a vitória. A equipe Soccer ficou invicta durante todos os jogos mas não conseguiu vencer o M4, perdendo por um placar de 6 x 1.
    A goleira Bryane Aquino (Soccer) recebeu o troféu de defesa menos vazada.



Secretário de Cultura participa de Feira do Livro

No sábado, 12, o secretário municipal de cultura Sidney Bretanha participou da Feira do Livro da cidade de Capão do Leão fazendo apresentação artística e levando seus livros e CDs para o público da Feira.
A convite da secretária de educação daquele município e do Instrutor do Projeto Estação Mauá - Alci Vieira Júnior, Bretanha também aproveitou a oportunidade para divulgar a Feira do Livro de Arroio Grande que acontece nos próximos dias 18, 19 e 20 de dezembro na Praça Maneca Maciel.


HERVAL: Assistência Social promove chegada do Papai Noel

No dia 21 de dezembro, a partir das 18 horas, acontece na Praça Central, a chegada do Papai Noel, com entrega de brinquedos para as crianças. 
Durante o evento serão realizadas apresentações do Projeto Ctrl-A, distribuição de pipoca, algodão-doce e refrigerante.
O evento é uma realização da Secretaria de Assistência Social e CRAS, tendo apoio das secretarias de Educação, Cultura, Turismo, Desporto e Lazer e Obras.

Assunção de Comando

         
        Ocorrerá no dia 16 de dezembro de 2015 às 17hs, no Centro de Cultura Basílio Conceição na rua Dr. Monteiro nº 95 no município de Arroio Grande, a troca de Comando da 2ª Companhia do 3º Batalhão de Policiamento de Área de Fronteira (3ºBPAF), onde o Capitão Dilmar Silveira Oliveira passará o comando ao Capitão Michel Ribeiro da Rosa. A 2ª Companhia com sede na Cidade de Arroio Grande tem como responsabilidade os Municípios de Arroio grande, Herval e Pedras Altas. O Capitão Michel Ribeiro é natural de Pelotas, formou-se em Porto Alegre na Academia de Polícia Militar no Curso Superior de Polícia Militar Bacharel em Ciências Militares na Área de defesa social no dia 20 de novembro do corrente ano. Incluiu nas fileiras da Brigada Militar como soldado em 2006 cursou a faculdade de Direito na Universidade Católica de Pelotas em 2011 obteve êxito no concurso para o Curso Superior de Polícia Militar em 2012, na qual o requisito de entrada é ser bacharel em Direito para ocupar o posto de Capitão do Quadro de Oficiais do Estado Maior da Brigada Militar. O Capitão Michel Ribeiro se sente honrado em fazer parte do 3º BPAF onde seu comandante é o Major Eduardo dos Santos Perachi, e comandar três cidades de forte tradição da região sul do Estado e com histórico de parcerias com a Brigada Militar. Sua apresentação no Comando Regional de Polícia Ostensiva Sul comandando pelo Coronel Vedana ocorreu no dia 02 de dezembro de 2015, na mesma data já passou a disposição do 3º BPAF atuando já nos municípios onde corre seu comando. No referido evento contará com diversas Autoridades Civis e Militares que prestigiarão a troca de comando.

No Dia dos Arquitetos e Urbanistas, profissionais da prefeitura de Pelotas vão paralisar

      O Sindicato dos Arquitetos no RS (SAERGS), em sua missão de defender os arquitetos e urbanistas do Estado, vem a público conclamar a população na luta pela valorização dos profissionais da Prefeitura Municipal de Pelotas. Os profissionais servidores são diretamente responsáveis pela qualidade do espaço urbano da cidade, bem como, pela manutenção do espaço edificado. Por isso, sua valorização é a garantia de uma cidade ainda melhor. 
      Para chamar a atenção da gestão municipal para o cumprimento do pagamento do piso salarial de arquitetos e urbanistas, os profissionais da categoria, servidores da prefeitura, irão paralisar no dia 15 de dezembro, dia do Arquiteto e Urbanista. O SAERGS está em negociação com a Prefeitura desde abril, onde foi iniciado, junto com o Sindicato dos Engenheiros do RS (SENGE), as tratativas de melhorias salariais.
     Está programada a concentração, às 13h, em frente ao Centro Administrativo Professor Araújo (Rua Professor Araújo, 1653), local onde funcionam a Secretaria de Gestão da Cidade e Mobilidade Urbana e Secretaria de Qualidade Ambiental.
    Ás 14h os arquitetos e urbanistas irão até a Secretaria Municipal de Cultura (Praça Coronel Pedro Osório, 02) e às 15h na frente da Prefeitura Municipal de Pelotas (Praça Coronel Pedro Osório, 101).