quinta-feira, 18 de maio de 2017

SMTHDS presente na capacitação do CONGEMAS

      A equipe da SMTHDS se fez presente juntamente com a 1ª Dama Eliane Antunes na reunião do CONGEMAS no dia 12/05 realizada em Bento Gonçalves- RS. O Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (CONGEMAS) é uma Associação Civil, sem fins lucrativos, com autonomia administrativa, financeira e patrimonial, de duração indeterminada.
      O evento ofereceu capacitação referente a políticas publicas (Bolsa - Família / Proteção Social Básica/Proteção Social Especial) e também a implantação no município do programa Criança Feliz.

      Conforme a equipe que se fez presente na reunião o tema abordado vem de encontro às necessidades do município, citaram ainda que toda capacitação é de valia pois o foco é o melhoramento constante das atividades da equipe.
PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO GRANDE
Departamento Municipal de Trânsito


CONVOCAÇÃO:

O Departamento Municipal de Trânsito vem por meio desta, convocar a todos os taxistas do Município de Arroio Grande, para comparecerem na reunião que será realizada na Câmara de Vereadores às 10hs do dia 23 de maio de 2017.

ATENÇÃO:

A presença de todos os taxistas nesta reunião é muito importante para o bom desenvolvimento do trabalho desta classe.

Assina: Marco Aurélio Androuchetti

Dep. Municipal de Trânsito 

segunda-feira, 1 de maio de 2017

Coroação das Misses da Região Sul movimenta Shopping Pelotas



Foto Kevin Juarez
Dezenas de cidades da região sul do Estado estiveram representadas no Shopping Pelotas no último sábado, 29, durante o evento de coroação das Misses da Região Sul, promovido pela Polishop e a Rede Bandeirantes de Televisão, e também a escolha regional do Miss e Mister Mercosul. As candidatas agora levarão o nome de suas cidades para as etapas posteriores do concurso Miss Rio Grande do Sul Universo Be Emotion, divulgando a força, a cultura e o turismo da região sul.


Foto Kevin Juarez/Reverso Comunicação
A noite iniciou prestigiando a cultura pelotense com as apresentações da Cia de Dança Corpo e Dança e também do cantor Tony Konrath, que animou o público com inserções durante o evento. O concurso Miss e Mister Mercosul, que busca aproximar a cultura e o turismo entre os países do Mercosul, deu início aos desfiles. O corpo de jurados foi formado pelo apresentador e diretor da New Life Produções Paulo Madruga, o ator, bailarino coreógrafo e médico Ronaldo Garcia, o colunista social Astrogildo Pinto e o publicitário Leonardo Adegas. Durante a escolha, foram titulados também o Mister Beleza Turismo Internacional, Joel Borges, e a Miss Rio Grande do Sul Mercosul Turismo Sênior, Teresinha Tedesco. Os resultados do Miss Mercosul Turismo coroou os seguintes candidatos: Natalhia Perondi, de Pinheiro Machado, como Miss RS Mercosul Turismo Primeira Princesa na categoria Teen; Gabriela Souza, de Santa Vitória do Palmar, como Miss RS Mercosul Turismo na categoria Teen;Andrei Richter, de Pelotas, vice Mister RS Turismo; Adriano Rodrigues, da Praia do Laranjal, Mister RS Mercosul Turismo; Nathalia Bitencourt, de Xangri-lá, Segunda Princesa Miss RS Mercosul Turismo; Aline Cervi, de Bento Gonçalves, Primeira Princesa Miss RS Mercosul Turismo; Mariana Mathies, de Pelotas, Miss RS Mercosul Turismo.

Nove misses da região sul receberam a sua coroação oficial: Fernanda Morales, de Arroio Grande; Laura Matos, de Bagé; Débora Lopes, do Capão do Leão; Jéssica Chardosim, do Chuí; Taiane Pereira, de Hulha Negra; Juliana Peil; de Morro Redondo; Alina Furtado, de Pelotas; Lauren Richter, de São Lourenço do Sul; e Ingrid Moreno, de Santa Vitória do Palmar.

A apresentação do evento foi realizada pelo vice Mister RS, Vinicius Lopes, e a Miss RS Tourism World 2015, Luciani Kems. O coordenador do evento, Sérgio Piñeiro, deu as boas-vindas ao público e agradeceu o apoio do Shopping Pelotas, que, segundo ele, já é um centro comercial de referência na região. O prefeito em exercício de Pelotas na ocasião, Idemar Barz, também prestigiou a coroação e destacou que momentos como esse são importantes para promover o turismo e a cultura pelotense. A corte da Fenadoce 2017, formada pela rainha Fernanda Rott e as princesas Bibiana Dias e Laura Braga, além de acompanhar os desfiles, deixou ao público um convite especial para visitarem a feira, que acontecerá de 31 de maio a 18 de junho.

O coordenador de Marketing do Shopping Pelotas, Rafael Almeida, ressaltou que a realização da etapa regional do Miss RS no shopping só reforça a importância do local como um destaque na região. Segundo ele, apoiar eventos que promovam a integração, o turismo e a cultural regional fazem parte das estratégias de aproximação do shopping com toda a região sul.

A Coroação das Misses da Região Sul do Miss Universo Be Emotion BAND TV conta com o apoio do Shopping Pelotas e da Prefeitura Municipal de Pelotas através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo. A coordenação geral é da Polishop e da Rede Bandeirantes de Televisão na região Sul do Rio Grande do Sul contemplando 22 municípios e tem como coordenador regional Sérgio Piñeiro.

sábado, 29 de abril de 2017

GREVE GERAL - Ato Contra reformas também acontece em Arroio Grande

      Durante a sexta-feira (28) por todo o país trabalhadores realizaram manifestações contra as Reformas Trabalhista e da Previdência propostas pelo governo Federal. A convocação para a Greve Geral veio das Centrais Sindicais e, as principais cidades do país registraram bons números de participantes. Nas cidades do interior também aconteceram protestos de diferentes formas. em Pelotas desde cedo foram formadas barricadas para impedir, principalmente, a saída de ônibus que quisessem circular pela cidade.
Em Arroio Grande, no final da tarde, representantes de entidades e servidores públicos participaram de uma caminhada luminosa. Segundo os organizadores foram cerca de 500 pessoas entre representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, CPERS, Sindijus, Corsan, CEEE, SSMAG, Servidores Estaduais e Municipários. Ao chegar na Praça Central os discursos foram de repúdio às reformas e de pressão aos políticos para que preservem os direitos dos trabalhadores.



Comitiva da Fenadoce 2017 entrega convite ao governador em Porto Alegre


Foto Claiton Santos/Reverso Comunicações
Foto Claiton Santos/Reverso Comunicações
     Há quase um mês do início da Fenadoce 2017, que acontece de 31 de maio a 18 de junho, a corte da feira visitou a capital gaúcha nessa quarta-feira, 26, para convidar as autoridades do Estado a prestigiarem e apoiarem o evento. Em Porto Alegre, a rainha Fernanda Rott e as princesas Bibiana Dias e Laura Braga, acompanhadas do vice-prefeito de Pelotas, Idemar Barz, e da comitiva da Câmara de Dirigentes Lojistas de Pelotas (CDL), formada pelos conselheiros Mauro Bessa e Max Michels e a produtora cultural da feira, Adriane Silveira, cumpriram uma agenda extensa e entregaram em mãos, ao governador José Ivo Sartori, o convite para a feira.

       A agenda do dia iniciou com uma visita à Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul nos gabinetes dos deputados Miriam Marroni (PT), Catarina Paladini (PSB), Missionário Volnei (PR), Luís Augusto Lara (PTB), Marcel Van Hattem (PP), Tiago Simon (PMDB) e o vice-presidente da Assembleia, Frederico Antunes (PP). O deputado Catarina afirmou no encontro que a Fenadoce está diretamente relacionada à autoestima e ao espírito acolhedor dos pelotenses. "É uma feira que mesmo em um período de crise segue forte, levanta a alma do pelotense que recebe todo mundo muito bem e é essa a cidade que queremos passar para todos", destacou. A deputada Miriam Marroni reforçou a força da feira além do Estado. "Quando vamos ao Uruguai todo mundo lembra da Fenadoce e diz que vai visitar", contou ela. Assim como Miriam, o deputado Missionário salientou o potencial turístico. “A Fenadoce é importante não só pelo desenvolvimento econômico, mas como um grande polo turístico”, disse.

     No gabinete da presidência da Casa a comitiva foi recebida pelo segundo secretário, Juvir Costella (PMDB), que parabenizou as entidades que promovem a feira pela continuidade ao longo dos anos e reforçou o apoio do Estado. “Mesmo em um momento de crise, Pelotas dá uma demonstração de que segue incentivando o turismo, a geração de emprego e a cultura através da Fenadoce”, declarou ele, que lembrou também que os benefícios da Fenadoce se estendem a toda região e à imagem do Rio Grande do Sul, não ficando somente em Pelotas.

     Em meio aos encontros políticos, a corte e o vice-prefeito ainda participaram da transmissão do programa de rádio Pelotas 13 Horas, transmitido diretamente da rádio do Palácio Piratini e que teve a Fenadoce como assunto principal. Em seguida, a comitiva visitou a Secretaria do Estado de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, sendo recebida pelo secretário Victor Hugo Alves da Silva, o Secretário Adjunto, André Kryszczun e o Diretor de Turismo, Abdon Barretto Filho. Na ocasião, foi apresentado pela secretaria o aplicativo Turismo RS, disponível para smartphones e tablets, que reúne informações sobre roteiros, cidades e eventos do Estado. Durante o período da Fenadoce, o evento ganhará destaque no aplicativo. A visita reforçou o apoio da secretaria estadual com a feira, que foi destacada por seguir valorizando a região sul.

       Ao fim do dia a comitiva foi recebida pelo governador José Ivo Sartori, que recebeu doces e o convite oficial para visitar a feira. Sartori afirmou que solicita às suas secretarias que sempre busquem recursos para apoiar a os projetos da Fenadoce, visto que reconhece a importância da feira para o desenvolvimento da região e que também é motivo de orgulho para todo o Estado. Junto ao governador estava também o presidente da Associação Gaúcha do Varejo,
 
       Vilson Noer, e o secretário estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo, que confirmou na programação da Fenadoce a realização de mais uma edição da Feira da Agricultura Familiar, promovida pela secretaria.

UFPel terá cotas também na pós-graduação

UFPel terá cotas também na pós-graduação

     Um dos pontos defendidos pelo reitor Pedro Curi Hallal na audiência pública realizada no Senado Federal, no dia 3 de abril, para tratar sobre cotas e permanência nas universidades, a ampliação das cotas para a pós-graduação, está se tornando realidade na UFPel. O Conselho Universitário aprovou nesta semana resolução que determina aos cursos de pós-graduação strictu sensu, que são os de mestrado e doutorado, que reservem no mínimo 25 por cento das vagas para negros, quilombolas, indígenas e portadores de deficiência.
      A UFPel é a primeira universidade gaúcha a implantar a medida e uma das primeiras do país a instituir as cotas também na pós-graduação. A administração da Universidade estima que entre 150 e 200 estudantes ingressarão nos cursos de pós-graduação até o fim do ano, pelas novas cotas.
A  medida também prevê ações que permitam a permanência destes estudantes nos cursos. As coordenações dos programas deverão planejar ações e atividades complementares que possibilitem a permanência dos estudantes cotistas, realizando um acompanhamento contínuo das suas vidas acadêmicas. A Administração Central da Universidade, por meio de suas pró-reitorias, também deverá propor ações no mesmo sentido, em complementação àquelas implementadas pelos programas de pós-graduação.
       A resolução entra em vigor imediatamente, e valerá por dez anos, prorrogáveis a partir das avaliações que serão feitas na Universidade. A UFPel possui 44 mestrados e 23 doutorados, nas mais diversas áreas.
     Entre as motivações para a adoção da medida na UFPel, está a premissa que também a pós-graduação deve atender ao mandamento estatutário da democratização da educação, no que se refere à equidade de oportunidades de acesso. O Conselho Universitário, para aprovar a medida, considerou ainda, entre outros pontos, que os programas de pós-graduação se beneficiarão academicamente da adoção desta política, que favorecerá as diversidades étnica e cultural em seu corpo discente e ampliará as suas inserções sociais.
Para o coordenador de pós-graduação da Universidade, Rafael Castro, a política, além de fazer um reparo histórico, vai “trazer a cara da sociedade para a pós-graduação da UFPel”.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Comunicado sobre o cenário de caos no entorno da UCPel

É Ano Novo na UFPel, como anuncia a imprensa de Pelotas nesta terça-feira (25), mas já são antigos os problemas que se repetem no entorno da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), sempre concomitantemente à retomada das atividades acadêmicas na Universidade Federal, assim como ocorrido entre o fim da tarde e a noite desta segunda-feira (24). Infelizmente, um cenário em que a diversão de alguns se impõe e se sobrepõe à prestação do serviço de ensino, impedindo o cumprimento do processo de aprendizagem de toda uma outra comunidade acadêmica.
O contexto de caos impossibilita cada vez mais que possamos oferecer a qualidade esperada e desejada em nossos serviços educacionais. Chegamos ao limite da convivência nesta zona urbana escolar da cidade, seja pelo barulho das centenas de pessoas que se aglomeram nas calçadas e vias - ou por veículos e aparelhos portáteis com som extremamente alto -, pelo impedimento do direito de ir e vir, pela insegurança gerada pela venda de drogas lícitas e ilícitas ou pelo descumprimento e desrespeito ao Código de Posturas do Município.
Por causa de tal conjuntura, diariamente, pela manhã, a equipe de higienização da UCPel precisa fazer a limpeza das calçadas e ruas do entorno para dar fim ao rastro de lixo deixado na noite anterior, acreditando que no próximo dia o cenário pode mudar. Mas isso não ocorre e a situação é de repetição permanente.
Diante dessa série de razões, a UCPel vem desde 2012, de forma intensificada, estabelecendo contato com os mais diversos órgãos e poderes competentes, além de tornar pública suas manifestações a respeito do tema. No entanto, as ações repressivas das forças de segurança e as iniciativas educativas executadas pela própria UCPel em seu entorno e nas redes sociais não conseguem garantir respostas efetivas para o fim desse problema. É urgente uma medida concreta por parte dos poderes Executivo e Legislativo de Pelotas.
Foi esse mesmo entendimento que levou o Ministério Público do Rio Grande do Sul, através do promotor Rodrigo da Silva Brandalise, após audiência com a Procuradoria Geral do Município e a UCPel no dia 19 de abril deste ano, a dar prazo de 10 dias para que a Prefeitura de Pelotas apresente uma posição sobre a proposta de proibição do consumo de bebidas alcoólicas no entorno da Católica, ficando este restrito ao interior dos estabelecimentos, bem como sobre a possibilidade de restrição do horário de venda.
Diante do exposto, a UCPel vem mais uma vez a público para afirmar que estamos impotentes frente à desagradável situação instaurada na rua Gonçalves Chaves, principal acesso ao Campus I. Já nos sentimos sem condições de seguir na luta para que o ensino não seja o principal prejudicado. Por isso, reiteramos a necessidade de soluções, cabíveis às autoridades constituídas, as únicas capazes de prevenir que situações trágicas venham a ocorrer. Afinal, pode uma universidade ser sitiada pela “liberdade” de pessoas em busca apenas de diversão?

Atenciosamente,
Universidade Católica de Pelotas

FENADOCE 2017 Promoção “Seu Ingresso Vale Mais” oferece benefícios no comércio pelotense


Criada na edição de 2016, a promoção “Seu Ingresso Vale Mais” retorna para a Fenadoce 2017, que acontece de 31 de maio a 18 de junho. Ela oferece aos visitantes benefícios no comércio da cidade e também aos lojistas, já que o objetivo da Câmara de Dirigentes Lojistas de Pelotas (CDL), organizadora do evento, é de movimentar a economia de Pelotas atraindo público para a Feira e a cidade. Neste ano, as lojas não associadas ao CDL também poderão participar da iniciativa.

Cada visitante da Fenadoce poderá participar da ação através do ingresso adquirido para entrar no evento. Ele será a “moeda de troca” nas lojas previamente cadastradas. Através do site www.fenadoce.com.br/seuingressovalemais os consumidores poderão conhecer as participantes e a promoção que cada uma oferece. Os benefícios, que são escolhidos exclusivamente pelas empresas, podem ser de diversos tipos: descontos fixos, percentagens de desconto ou compre e ganhe. Segundo a integrante do Conselho Gestor da Fenadoce, Vanisse Krause, com a possibilidade de todas as lojas da cidade participarem nessa edição “um novo leque de opções se abre ao consumidor”.

Cada ingresso dá direito a um único benefício, não sendo eles cumulativos. As vantagens irão durar não só no período da Feira, mas se estenderão até 8 de julho de 2017. As lojas que já são associadas ao CDL podem aderir gratuitamente, já aquelas não associadas podem fazer parte adquirindo o kit promocional de PDV por apenas R$ 50. Em 2016, mais de 200 lojas participaram e a que mais trocou cupons levou mais de 200 novos clientes a seu estabelecimento.

terça-feira, 28 de março de 2017

Troféu MERIDIONAL aos melhores do carnval

       Foram entregues na tarde de 24 de março - dentro das comemorações do aniversário de 144 anos do município de Arroio Grande - os troféus da promoção do Jornal Meridional que contempla os destaques do carnaval através do voto popular.
      O Jornal Meridional que acompanha os desfiles das escolas de Samba de Arroio Grande todos os anos, seus preparativos, sambas de enredo, barracões, até a hora dos desfiles, instituiu no ano de 2011 o TROFÉU MERIDIONAL AOS MELHORES DO CARNAVAL com a intenção de eleger, através do voto popular, aqueles que se destacam por sua dedicação e talento, e não possuem premiação individual dos jurados oficiais.
      A escolha se dá da seguinte forma:
      Durante as edições que antecedem o carnaval, são veiculadas as cédulas de votação no jornal Meridional. As urnas são distribuídas nos locais de vendas do jornal bem como em sua redação. Após os desfiles, as urnas são recolhidas e apurados os votos. Aqueles que recebem o maior número de votos nominais, são os merecedores do troféu.
Foram agraciados:
Destaque de carro: Vitória Brum de Almeida

Destaque Puxador - Cassiano Lima

Destaque Passista - Juninho

Destaque Mestre de Bateria - Saninho

Destaque Madrinha de Bateria - Chrizziane Pires

Destaque Porta Bandeira - Taís Costa

Destaque Mestre -sala - Zé Maria 

Destaque Carnavalesco - Mario Eglã Pio

Destaque Escola de Samba - Samba no Pé

segunda-feira, 27 de março de 2017

BR 116


       Em apenas uma manhã, a Frente Parlamentar pela Conclusão da Duplicação da BR 116 recolheu mais de mil assinaturas ao abaixo assinado físico em prol da realização das obras no trecho Guaíba-Pelotas da rodovia. Coordenada pelo deputado Zé Nunes (PT), a Frente realizou a primeira atividade de adesão ao documento no último sábado (25), no Calçadão de Pelotas.

        

A ideia, segundo o parlamentar, é levar o abaixo assinado a outros municípios para coletar assinaturas e alimentar a pressão em torno da liberação de mais recursos para agilizar a duplicação. O documento, bem como a versão digital (disponível no site da AVAAZ: http://migre.me/wfzdw), serão encaminhados ao governo federal para corroborar o pleito alinhavado na reunião com a bancada federal gaúcha, promovida pela Frente no dia 20 de março, na Assembleia Legislativa, em que deputados e senadores comprometeram-se com emenda de bancada de R$ 200 milhões em 2018, sugerida pelo deputado federal Henrique Fontana (PT). Também definiram agendar audiência com o presidente Michel Temer no sentido de pleitear a suplementação de recursos ainda em 2017. Além disso, o Ministério dos Transportes assegurou que tentará remanejar recursos na ordem de R$ 150 milhões ainda este ano para a BR 116.
O deputado comemora a unidade obtida em torno da pauta da duplicação. Representantes da Azonasul, o presidente da Câmara de Vereadores de Pelotas, Luiz Henrique Viana (PSDB), entidades empresariais, os prefeitos Paula Mascarenhas (PSDB), de Pelotas, Alexandre Lindenmeyer (PT), de Rio Grande, e a deputada Miriam Marroni (PT) prestigiaram a atividade de sábado.

Convocação

ESCOLA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL
GOVERNADOR LEONEL DE MOURA BRIZOLA
Moacir da Rosa Prestes s/n° – Arroio Grande – RS




           Convocamos os Senhores Pais e ou Responsáveis pelas crianças matriculadas no Maternal B III, Pré A I, Pré A II, Pré A III, Pré A IV, Pré A Rotary, Pré B Rotary, Pré B I, Pré BII e Pré B III da E.M.E.I. Gov. Leonel de Moura Brizola para uma reunião dia 31de março às 19h na Escola, é importante a presença de todos, pois as aulas iniciarão dia 03 de abril.

Obrigada.

Elciete Brum

Dirtora

SECRETÁRIO ESTADUAL DE AGRICULTURA ERNANI POLO VISITA ARROIO GRANDE

          Após convite de lideranças politicas de Arroio Grande, o Secretario Estadual de Agricultura Ernani Polo se fez presente na cidade simpatia, com objetivo de participar do início da colheita de grãos, nesse momento a cultura do arroz. O Secretário manteve contatos com lideranças do setor agrícola, e também participou do inicio da colheita do arroz na propriedade do Sr. Tirone Medeiros.
          Para o Vereador Casca Silva, autor do projeto de lei que institui o dia municipal da abertura da colheita de grãos no município, é de extrema relevância a presença de um secretario estadual da pasta da agricultura, para discutir com a classe produtora, a atual realidade do mercado para o produto e as perspectivas para o futuro das culturas de grãos. Mesmo não havendo um evento festivo para marcar a data, é importantíssimo neste momento, juntarmos ações que visem fortalecer a produção em nosso município, para que possamos avançar em produção, gerando emprego e renda, ressalta o edil. 



terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Governo garante R$ 200 milhões para quitar dívidas com hospitais

     Cerca de 50 hospitais filantrópicos, públicos e santas casas do Rio Grande do Sul receberão, a partir desta segunda-feira (20), mais R$ 200 milhões referentes a repasses de incentivos estaduais pendentes. Com isso, o governo do Estado liquida as dívidas com as instituições que somavam R$ 276 milhões desde 2016. O anúncio ocorreu em solenidade no Salão Negrinho do Pastoreio, no Palácio Piratini.
A dívida com 216 hospitais começou a ser paga em janeiro deste ano, priorizando quem presta atendimento pelo SUS. Foi feito o repasse total de R$ 76 milhões para 167 instituições. 
A partir de agora, outras 49 com dívidas acima de R$ 800 mil terão acesso aos recursos. O pagamento foi possível graças a uma linha de crédito obtida no Fundo de Apoio Financeiro e de Recuperação dos   Hospitais Privados sem Fins Lucrativos (Funafir), a ser pago pelo governo em 18 parcelas até novembro de 2018.
        Para o governador José Ivo Sartori, a coletividade é importante para buscar soluções em meio à grave crise financeira do Estado. Também citou a parceria com os municípios para a renegociação da dívida com a União, a repatriação dos ativos do exterior, o ingresso no Plano Nacional de Segurança e os investimentos de R$ 100 milhões em escolas estaduais e R$ 700 milhões em rodovias gaúchas como caminhadas relevantes para assegurar o futuro.  
       "Sozinho, o Estado não pode tudo. Para chegarmos a este dia, houve um trabalho sério, criterioso e com responsabilidade. Vivemos um período de dificuldades, mas buscamos superá-las uma a uma. A quitação das dívidas com os hospitais vai ajudar a melhorar a saúde pública e fazer com que ofereçamos serviços mais eficientes à sociedade", afirmou Sartori.
       O secretário da Saúde, João Gabbardo dos Reis, apresentou os números do orçamento mensal da área, que conta com R$ 168 milhões para honrar com os 12% a serem cumpridos por lei para repasse aos municípios. Conforme Gabbardo, a cota mensal atualmente é consumida com compromissos assumidos por gestões anteriores, somando cerca de R$ 220 milhões - o que resulta em mais despesa do que receita.
"Não temos como diminuir os compromissos, mas esperamos que os hospitais fechados por conta de atrasos voltem a abrir e atender a população. Mensalmente temos que escolher o que priorizar, segundo a disponibilidade, e isso gera dívidas", avaliou Gabbardo. "Assistimos ao caos na saúde pública porque não temos recursos, mas tenho esperança que o Plano de Modernização do Estado traga equilíbrio às áreas essenciais", acrescentou.
         O presidente da Federação das Santas Casas, Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do Estado, André Emílio Lagemann, agradeceu o esforço das secretarias da Saúde e da Fazenda para regularizar as pendências. "A crise, que também nos atinge, exige malabarismos. Estamos fazendo os ajustes possíveis e olhamos para frente para construir alternativas conjuntamente", disse.
O secretário da Fazenda ressaltou a preocupação do governo do Estado em não gerar mais passivos às próximas gerações, lembrando a diminuição da destinação de recursos pelo governo federal aos estados. O financiamento pelo Funafir foi negociado para ser liquidado até o final da gestão.